A huge collection of 3400+ free website templates JAR theme com WP themes and more at the biggest community-driven free web design site
Home / Agronegócios / Agricultura / Tocantins deve bater novo recorde na produção do milho safrinha em 2020

Tocantins deve bater novo recorde na produção do milho safrinha em 2020

Secretário César Halum, equipe técnica e produtores visitam colheita na fazenda Nossa Senhora do Carmo, em Porto Nacional

Em visita na fase inicial da colheita do milho safrinha, na fazenda Nossa Senhora do Carmo, município de Porto Nacional, nessa segunda-feira, 15, o secretário da Agricultura, Pecuária e Aquicultura do Tocantins (Seagro), César Halum, destacou a importância do crescimento da produção do milho safrinha.

“A expectativa dessa propriedade é colher cerca de 500 mil sacas de milho, uma produção significativa; isso mostra a vocação natural e os investimentos aplicados no cultivo de grãos no Tocantins, principalmente a soja, milho e arroz, aliados as inovações tecnológicas dos produtores tocantinenses”, ressaltou.

A propriedade pertence a três irmãos do grupo Rossato, sediada no Estado há 8 anos no cultivo de grãos, principalmente soja e milho. Segundo o gerente da fazenda, Carlos Boni, a previsão é colher em torno de 40% a mais, o milho safrinha, em relação a última safra.

“A produtividade é excelente, colhemos uma média geral de 100 sacas por hectares, esperamos colher 30 mil toneladas de grãos, numa área aproximada de 5 mil hectares, nesta safra 2020”.

O gerente ressalta ainda que essa alta produtividade é resultado dos investimentos tecnológicos aplicados no plantio dos grãos. “Principalmente nos manejos tecnológicos na adubação de base, oito novas cultivares altamente produtivas e as práticas de plantio mecanizado”, reforça.

Produção no Tocantins

De acordo com o 9º levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a perspectiva de produção geral do milho safrinha no Tocantins é um aumento de 20% na colheita, em relação à safra anterior.

Nesta safra 2019/2020, a previsão é colher 1.195,82 mil toneladas de grãos, contra 992,76 mil toneladas na safra anterior.  A colheita do milho deve encerrar no final do mês de julho.

O cultivo da área do milho também teve aumento expressivo; saltou de uma área cultivada de 201,92 mil hectares cultivados para 240,69 mil hectares, um aumento de 19,2%.

De acordo com o engenheiro agrônomo da Seagro, Ricardo Taques, um conjunto de fatores influenciam nessa mudança de produção. “Entre eles, podemos citar o clima favorável, uso de tecnologias de ponta e maior investimento, devido ao preço mais atrativo do milho”.

Por Elmiro de Deus

Além disso, verifique

Palmas: sorteados para habitação são convocados para entrega de documentos

As famílias pré-selecionadas, suplentes e reservas do processo de seleção para o empreendimento habitacional Recanto …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *