A huge collection of 3400+ free website templates JAR theme com WP themes and more at the biggest community-driven free web design site
Home / Meio-Ambiente / Meio Ambiente destaca políticas de prevenção ao fogo em simpósio no 22º Batalhão do Exército

Meio Ambiente destaca políticas de prevenção ao fogo em simpósio no 22º Batalhão do Exército

O Simpósio segue com programação até esta sexta-feira, 30 – Foto: Luiz Henrique Machado/Governo do Tocantins
Evento contou com palestrantes da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos

Na manhã desta quarta-feira, 28, representantes da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) apresentaram as ações planejadas pelo Governo do Tocantins para o período de estiagem, durante o 1° Simpósio – Apoio à Defesa Civil, promovido pelo 22° Batalhão de Infantaria Motorizado do Exército Brasileiro (22° BIMtz).

Segundo a titular da Semarh, Miyuki Hyashida, a parceria do Governo do Tocantins com outras instituições vem funcionando muito bem para enfrentar os desafios deste período de falta de chuvas. “Conseguimos, por meio do Fundo de Recursos Hídricos, recurso financeiro para financiar a contratação e o aparelhamento de 80 brigadistas civis temporários que vão atuar nas sedes do Corpo de Bombeiros de Araguatins, Araguaína, Colinas do Tocantins, Gurupi, Dianópolis, Palmas, Paraíso do Tocantins e Porto Nacional”, detalhou.

A secretária também informou que a redução dos incêndios florestais é uma recomendação do governador Carlesse, para que o Tocantins saia definitivamente do ranking dos estados que mais queimam a vegetação nativa.

A diretora de Instrumentos de Gestão Ambiental da Semarh, Marli Santos, foi uma das palestrantes no Simpósio e enfatizou o Plano de Prevenção e Combate aos Desmatamentos e Incêndios Florestais do Tocantins (PPCDIF), aprovado recentemente pelo Conselho Estadual de Meio Ambiente (Coema). O PPCDIF prevê medidas de prevenção, comando, controle, combate e monitoramento, sendo que a Semarh é responsável pelas ações de prevenção e monitoramento.

Cemaf/UFT

Na área de prevenção, a Semarh atua com o trabalho de Educação Ambiental via projeto Foco no Fogo, capacitação sobre a Renovação do Protocolo do Fogo e emissão de Boletins Diários de riscos de incêndios florestais. Já na área de monitoramento, a Secretaria, em conjunto com o Centro de Monitoramento Ambiental e Manejo do Fogo (Cemaf) da Universidade Federal do Tocantins (UFT), elaborou relatórios de Áreas Queimadas nas Unidades de Conservação (UCs) do Estado, cicatriz de queimadas ao longo dos anos e informações sobre focos de incêndios. Além desse esforço, a Semarh investiu na aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), a serem disponibilizados para a Defesa Civil Estadual e na contratação de brigadistas.

A palestrante Marli Santos reforçou que foram investidos R$ 1,3 milhão do Fundo Estadual de Recursos Hídricos para a contratação de brigadistas, por meio de parceria estabelecida entre a Semarh e o Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBMTO). “Esse recurso será utilizado para atender as necessidades das ações de combate aos incêndios florestais que, neste período de seca, além de trazer problemas à saúde, também prejudicam os recursos naturais do nosso bioma Cerrado, que predomina no Tocantins”, afirmou.

Já o diretor de Planejamento e Recursos Hídricos da Semarh, Aldo Azevedo, que também palestrou no Simpósio, abordou sobre a Rede de Monitoramento Hidrometeorológica de Alerta do Estado, com ênfase no monitoramento das Bacias do Rio Formoso, Urubu, Xavante e Dueré. O gestor esclareceu sobre a importância de o Governo planejar ações destinadas a prevenir ou minimizar os efeitos das secas.

“Como ferramenta temos o Monitor de Secas, ou seja, um instrumento de monitoramento regional sobre a severidade da seca. Esse mapa indica um retrato real da seca nos estados, tendo como base, essencialmente, os dados hidrometeorológicos coletados nas estações e as informações de impactos hidrológicos e agrícolas”, explicou Aldo Azevedo.

O Simpósio segue com programação até esta sexta-feira, 30.

Participaram do evento representantes do Exército Brasileiro, do Ministério Público do Tocantins (MPTO), da Marinha (Capitania Fluvial do Araguaia-Tocantins), do Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBMTO), da Prefeitura de Palmas, da Defesa Civil, dentre outros órgãos.

por Tânia Caldas/Governo do Tocantins

Além disso, verifique

Ex-governador de GO e deputado federal pelo TO, Ary Valadão morre aos 102 anos; “Deixa um imenso legado”, diz Carlesse

Ary Ribeiro Valadão (Foto: Dicom/AL) Governador de Goiás de 1979 a 1983 e deputado federal …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *