A huge collection of 3400+ free website templates JAR theme com WP themes and more at the biggest community-driven free web design site
Home / Regiões / Brasil / Risco de arritmia cardíaca leva OMS a suspender testes com hidroxicloroquina

Risco de arritmia cardíaca leva OMS a suspender testes com hidroxicloroquina

O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus  alerta sobre a ineficácia do medicamento e o risco de arritmia cardíaca

GENEBRA — A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou uma suspensão temporária dos testes que vinha conduzindo com a cloroquina e a hidroxicloroquina por meio da articulação internacional conhecida como Solidariedade.

A decisão foi comunicada pelo diretor-geral, Tedros Adhanom Ghebreyesus, na introdução da entrevista coletiva deste segunda-feira. Ela resultou da deliberação do grupo executivo da Solidariedade, que testa possíveis terapias contra a Covid-19.

Segundo Ghebreyesus, a suspensão se baseou num estudo publicado na “Lancet”, a maior publicação científica do mundo, na última sexta-feira.

A pesquisa foi realizada com 96 mil pessoas e mostrou que a cloroquina e a hidroxicloroquina não apenas não tiveram sucesso no tratamento da doença, como também aumentaram os riscos de morte decorrente de arritmia cardíaca.

“O grupo executivo implementou uma pausa temporária do braço da hidroxicloroquina no Estudo de Solidariedade, enquanto os dados de segurança são revisados pelo Conselho de Monitoramento de Segurança de Dados”, informou o diretor-geral.

Ghebreyesus reiterou que a preocupação está relacionada ao uso específico de hidroxicloroquina e cloroquina contra a Covid-19.

“Desejo reiterar que esses medicamentos são aceitos como geralmente seguros para uso em pacientes com doenças autoimunes ou malária. A OMS fornecerá mais atualizações à medida que sabemos mais”, concluiu.

Fonte: O Globo

Além disso, verifique

Novo vírus da gripe com ‘potencial pandêmico’ é descoberto na China

Uma nova cepa do vírus da gripe com potencial de causar uma pandemia foi identificada …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *