A huge collection of 3400+ free website templates JAR theme com WP themes and more at the biggest community-driven free web design site
Home / Regiões / Pará / Emater avança na consolidação das metas vinculadas ao Pará 2030

Emater avança na consolidação das metas vinculadas ao Pará 2030

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Pará (Emater) pactuou um Acordo de Resultados com 63 tarefas anexadas para serem executadas no triênio 2016-2019, com bases nas diretrizes do Projeto “Pará 2030”.

Dentre elas destacam-se o desenvolvimento de um sistema de ensino focado na produtividade para uso consistente, perene e holístico nas unidades de produção da agricultura familiar; a adoção de sistemas de GPS para ampliar o monitoramento e gestão das visitas de campo; e o incentivo ao cultivo de elementos da biodiversidade no programa de agricultura familiar.

O “Pará 2030” contempla 12 cadeias produtivas consideradas prioritárias, entre as quais a agricultura familiar, a pesca e aquicultura e a biodiversidade.

Após a assinatura do Acordo de Resultados, a Emater instalou uma Comissão de Acompanhamento junto ao Pará 2030 com a missão de identificar as iniciativas convergentes aos segmentos apontados pelo programa.

A Comissão é integrada pelo presidente da Emater, engenheiro agrônomo Paulo Amazonas Pedroso, e pelos técnicos Celso Iran Puget Botelho, Alexandre Alberto Gonçalves Galvão, Jorge Augusto Macêdo de Souza, José Sinval Vilhena Paiva, Paulo Augusto Lobato da Silva, Pedro Jefferson Costa Gomes, Rosomiro Marques Batista e Wildes Luiz dos Santos Brito.

O grupo se reuniu na primeira quinzena de setembro e definiu os integrantes responsáveis por cada cadeia produtiva prioritária indicada pelo “Pará 2030”, que ficarão incumbidos de articular junto aos responsáveis correspondentes dessas cadeias na Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme), o cumprimento das metas definidas no acordo de resultados e também para articulação no âmbito interno, com técnicos especializados para fortalecimento do trabalho.

Durante o processo de avalição dos projetos, alguns membros da Comissão estiveram reunidos com diferentes equipes para cruzar metas dos projetos vinculados a diversos programas estaduais, como os inseridos no Sistema de Gestão de Programas do Governo do Estado, o GP-Pará, afixados na Matriz de Planejamento do PPA 2016/2019. Nela encontram-se três eixos programáticos convergentes:  Agricultura Familiar, Agropecuária e Meio Ambiente e Pesca.

O eixo da Agricultura Familiar apresenta quatro ações: apoio às cadeias produtivas de origem animal e vegetal com serviços de ATER (Assistência Técnica e Extensão Rural); apoio às áreas de populações tradicionais, de reservas extrativistas e de reforma agrária com serviços de ATER; apoio à comercialização de produtos da agricultura familiar; e adequação física e reaparelhamento das unidades de ATER.

O eixo da Agropecuária e Pesca contempla três ações: apoio às cadeias produtivas de origem animal e vegetal com serviços de ATER para médios produtores; implantação de unidades de referências em tecnologias de baixo carbono; e apoio a pescadores artesanais e aquicultores com assistência técnica e extensão pesqueira e aquícola.

Já o eixo do Meio Ambiente prevê a elaboração de Cadastros Ambientais Rurais (CAR), elaboração de planos de recuperação de áreas degradadas e apoio à educação ambiental para a agricultura familiar com serviços de ATER.

 

 

 

Além disso, verifique

Bruno José Valente   download (6)

Eleições: Ministério Publico de olho nas redes sociais

  Procurador Regional Eleitoral, Bruno Araújo Soares Valente A atuação de promotores no processo eleitoral …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *