A huge collection of 3400+ free website templates JAR theme com WP themes and more at the biggest community-driven free web design site
Home / Esporte / Futebol / Joinville bombardeia Goiás pelo alto no primeiro tempo e vence por 2 a 1

Joinville bombardeia Goiás pelo alto no primeiro tempo e vence por 2 a 1

joinville  13710422_1199954876723541_4791755173952459978_o_oqG87Pa

Superior na bola aérea, JEC precisa apenas de 25 minutos para marcar com Fabiano Eller e Bertotto; Esmeraldino cria chances, desconta de pênalti, mas não evita derrota

O resultado positivo na abertura da 17ª rodada da Série B dá novo ânimo ao Joinville, que ainda não sai da zona de rebaixamento, mas cola no Goiás. Os clube estão separados por um ponto. Os catarinenses ficam na 18º colocação com 17, enquanto os goianos aparecem no 16º lugar com 18, tendo que torcer para o Vasco contra o Bragantino no fim de semana para não entrar no G-4. Na outra terça, o Alviverde pega o Luverdense em Goiânia. O JEC só joga dia 30, contra o Oeste.

Bombardeado pelo alto logo que a bola rolou, o Goiás só conseguiu respirar quando o placar já indicava 2 a 0 para o Joinville. Com grande facilidade para levar a melhor na bola aérea, sobretudo com Rafael Donato, o JEC marcou com Fabiano Eller, aos três minutos, e com Matheus Bertotto, aos 24. Os gols não foram de cabeça, mas nasceram de cruzamentos que a defesa esmeraldina não cortou. Primeiro com Wesley Matos, depois com David, ambos facilmente batidos por cima.

A pressão do time mandante só diminuiu a partir dos 25 minutos. O Goiás passou a ter chances, porém, muito mais por vacilos do Joinville do que por mérito próprio. Léo Lima, Rossi e Carlos finalizaram com perigo e exigiram três grandes defesas de Aranha. Quando o goleiro não evitou, Rafael Donato marcou contra, mas a arbitragem já assinalava impedimento do ataque esmeraldino.

Bola aérea foi o caminho para a vitória do Joinville, que levou a melhor em quase todas pelo alto (Foto: Divulgação/JEC)

Com a vantagem, o Joinville optou pela estratégia de recuar na etapa final e não se arriscar tanto. O Goiás já voltou com Daniel Carvalho no lugar de Léo Sena após o intervalo e, pouco depois, o técnico Léo Condé promoveu também a entrada do estreante Marcão.

Os goianos ficaram com mais opções ofensivas e tiveram mais volume de jogo. Rossi, Daniel Carvalho e o próprio Marcão finalizaram, mas sem sucesso. O Joinville levou perigo ao gol de Renan com Everton Silva e Reginaldo. Aos 46 minutos, o Goiás descontou com Daniel Carvalho, que converteu pênalti sofrido por Marcão. A equipe ainda ensaiou uma leve pressão nos acréscimos, mas nada que comprometesse a vitória catarinense.

Por GloboEsporte.comJoinville, SC

Além disso, verifique

Cidade de Goiás: população cobra medidas de prevenção às enchentes

Por Anésio Júnior A matéria “Cidade de Goiás continua vulnerável a danos causados por enchentes”, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *